Grávida pode viajar de avião? Dicas para facilitar


Geralmente não há nenhuma restrição para viagens de avião, porém se sabe que certos ambientes devem ser evitados, principalmente a certa altura da gestação.

É importante conversar com seu médico, especialmente se você tem pré disposição a determinados problemas de saúde como pré-eclâmpsia. Geralmente existe um tempo de corte que as companhia aéreas estabelecem como não viajar após 32 semanas de gestação.

Mas, se você ainda não está de 32 semanas ou mais e não tem doenças como a pré-eclâmpsia, vamos te dar algumas dicas para tornar suas viagens mais confortáveis e seguras:

  • Garanta bastante espaço, para que você possa esticar as pernas. Tente levar um travesseiro e colocá-lo embaixo das pernas para te ajudar com a circulação, evitando inchaço;
  • Para viagens longas, vale apostar em meias de compressão para ajudar, evitando inchaço e problemas de circulação;
  • Escolha assento próximo ao banheiro;
  • Leva uma garrafa d’agua com você e um lanche, como barra de cereal e goma de mascar, pois ajudam quando surgir aquela fome, evitando baixa de pressão ou falta de glicose, além de que a goma de mascar ajudam a evitar dor de cabeça por conta da altitude;
  • Não tome nada alcoólico, pois o álcool aliado a baixa de oxigênio podem te fazer ficar zonza;
  • Tente, sempre que puder, andar um pouco ou fazer exercícios nas pernas, para evitar problemas como trombose;
  • Use sapatos confortáveis e com o tamanho uma pouco maior, pois seu pé pode inchar e o sapato pode te machucar;
  • Flexione, estenda e gire o pé dez vezes para cada lado e massageie sua panturrilha de hora em hora.
  • Tenha com você seus exames de gravidez, cartão de plano de saúde e informe a companhia aérea e a tribulação sua condição para que eles tenham ciência de como você está e como podem te ajudar caso algo aconteça.

Gostou das dicas? Compartilhe a ajude outras mamães viajantes.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.