Tipos de cirurgia plástica para homem

Os homens fazem cada vez mais cirurgia plástica e adotam formas de se tornarem mais adeptos da técnica de modificação de partes indesejadas. São diversos tipos que a Sociedade de Cirurgia no Brasil registram como as mais feitas nas salas médicas no país. São dois motivos pelos quais esse tipo de intervenção é procurado pelo público masculino: mudar o visual que não gostou e deficiência por acidentes.
locais de cirurgia plástica no homem

TiposInformação
Lipoeaspiração e Contorno Corporal  Tipo de cirurgia para modelar o corpo. É feito de forma básica em partes estratégicas para obter forma mais atlética como abdómen quadril coxa e tórax.
Transplante de cabelos faciaisRealizada para pacientes que desejam voltar a ter mais cabelos ou que são calvos por completo. Essa cirurgia tem o fim de utilizar o próprio cabelo do homem para implantar no couro da cabeça mais cabelos até completaram a região calva.
Transplante de cabelos faciaisRealizada para pacientes que desejam voltar a ter mais cabelos ou que são calvos por completo. Essa cirurgia tem o fim de utilizar o próprio cabelo do homem para implantar no couro da cabeça mais cabelos até completaram a região calva.
Pálpebras e narizUma da regiões da face que mais tem recebido busca por parte dos homens é o nariz. Devido a tamanhos desproporcionais, esta cirurgia pretende restaurar o equilíbrio na face do rosto.

Assim como em qualquer cirurgia é necessário o preparo pré-operatório. Por isso o homem que busca este fim deve passar por uma bateria de exames sendo que o cirurgião plástico é responsável pelo encaminhamentos do pacientes para cada um dos exames obrigatórios antes do procedimento final. Para mais informações sobre os procedimentos que inclui as clínicas especializadas em tratamentos e procedimentos para homens, entre no portal da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica para consultar os planos, médicos e locais autorizados.

Cirurgia Plástica para reconstrução da mamária

Como parte do tratamento do câncer de mama, a Sociedade de Cirurgia plástica recomenda a técnica da reconstrução da mamária para mulheres que fizeram a retirada dos seios. Hospitais públicos em todo o Brasil, através do SUS realiza este procedimento, mas há uma fila de espera.

A reconstrução da mama não visa perda de peso e por isso é indicada apenas com fim de cobrir os problemas originários de problemas na mama. Nesta cirurgia haverá uma cicatriz que é estratégicamente colocada próxima a região da tanga para que fique escondida quando o paciente utiliza roupas de banho.foto da parte reconstrução da mama

Quanto a questão dos perigos, há sim complicações que surgem durante a reconstrução da mamária com a técnica TRAM, mas são questões raras se os médicos envolvidos obedecem rigorosamente os critérios técnicos. Claro que toda cirurgia há riscos mas estes são diminuídos devido ao grande profissionalismo e bons instrumentos hoje existentes para cirurgias.

No procedimento, o paciente terá aplicado a anestesia total e a retirada dos pontos acontecerá em 8 a 15 dias após o dia operatório. Muitas mulheres pergunta se a sensibilidade da mama é a mesma e a resposta é que ela não terá o mesmo tato e muito embora seja diferente ainda haverá uma sensibilidade desejada.

Esta cirurgia é feita em 3 fases distintas em que inicialmente se leva parte da gordura abaixo do abdome para a região das mamárias, em seguida é feito uma similitude entre a mama transferida e a mama normal da pessoa, usando para isso, em certos casos, fotos e métricas para que fiquem semelhantes. Por fim, na terceira fase serão reconstruídos os mamilos e as areólas. Como o intervalo entre estas três fases é de 6 meses, todo o processo de reconstrução da mama pode demorar até 1 ano e 6 meses. Claro que pode ser menos ou mais pois tudo depende das complicações e sucessos das cirurgias realizadas.

Plástica para retirar estrias abaixo do umbigo

Uma nova tratamento estético criado pretende utilizar da cirurgia plástica na barriga para tirar estrias que vem com uma proposta de tratar apenas estrias profundas em mulheres com uma intensa região da barriga ocupada por as linhas indesejadas. Antes de saber se o tipo é compatível, é preciso notar que para realizar esta cirurgia o médico verifica se as marcas de estrias devem ser tratadas por outra técnica que não seja muito evasiva tais como a ácido e tratamento a lazer.cirurgia abaixo do umbigo

Uma dos centros estéticos no Brasil que já aderiu à técnica foi a Clinica Privilege em Curitiba, mas existem outras em São Paulo e no Rio de Janeiro que também realizam o procedimento. Como estes centros utilizam da cirurgia de remoção de estrias para seus pacientes, é necessário comprovar antes de fazer o contrato se estão de acordos e autorizadas a atuar no ramo da medicina por tratamentos de intervenção ao corpo. Em um dos centros pertence ao Dr. Edilson Pinheiro que realiza a cirurgia na cidade de Fortaleza e se especializou na técnica como apresentado no vídeo abaixo os procedimentos realizados para cada o abdômen.

O procedimento é chamado de abdominoplastia na qual se aproveita da cirurgia para retirar as estrias com marcas intensas ao passo da remoção do excesso de pele, gordura e/ou flacidez em toda a região abaixo do umbigo chamada de infra-abdominal como foi explicado pelo doutro no vídeo acima.

A vantagem desta cirurgia é que em uma única intervenção a retirada de gordura, flacidez, estrias e excesso de pele abaixo do umbigo com fim a modelagem do abdômen.

Quando fazer cirurgia plastica é um problema

Realizar uma intervenção no corpo deve ser feito quando as necessidades de adaptação se relacionam com o psicológico de uma pessoa. A cirurgia plática se torna um problema quando um paciente vai além da necessidade que realmente existe. Segundo os médicos cadastrados na Associação de Cirurgia Plática, há uma ética que cada médico adota para freiar os impulsos que as pacientes sofrem.

A opinião de Luciana Sander (Psicóloga-clínica e pesquisadora do Instituto de Psiquiatria (IPUB) da UFRJ) a “falta de limites para atingir o padrão estético pode ser considerada um sintoma de desequilíbrio psicológico” e devido a isso muitos médicos ganham fortunas de dinheiro com cirurgias perigosas para suas pacientes ao aproveitar dessa crescente busca por tratamentos.

mulher antes da cirurgia plástica

Uma criança, adolescente ou jovem mulher sempre se compara com os padrões da sociedade e este ponto é considerados como uma doença social pois a cada década estes padrões são cada vez mais exigentes formando uma característica de modificação da mulher para se parecer como uma modelo. Aspectos do organismo, saúde e metabolismo são diferentes para cada paciente e por isso não são todas as pessoas que terão um padrão que lhe é exigido. É por isso que ao se fazer uma cirurgia plástica ou ir ao médico para uma avaliação clínica, deve-se ater para o fato e motivação que está sendo gerado para este fim.